Pesquisar

sábado, 12 de janeiro de 2013

Por que as calças "femininas" ferem a modéstia?




Primeiramente, vocês podem ler a carta do Cardeal Siri a respeito do uso de calças compridas pelas mulheres. Ali ele deixa claro sobre a ideologia que existe por trás desta peça nada feminina. Muitas pessoas não entendem essa ideologia citada pelo cardeal, porém ela trouxe sérios danos a nossa sociedade que hoje está visivelmente decadente. Não podemos dizer que foi apenas pelo uso de calças pelas mulheres, também foi por outros fatores. Mas também temos que admitir que isso ajudou muito na decadência da nossa sociedade, pois não é apenas uma peça inofensiva, que é usada, mas os danos que trazem à mulher e a sociedade são sérios, apesar de serem ignorados por muitos. Na verdade, se toda mulher entendesse esse fator, baniria as calças do seu guarda roupas por completo.

Eis apenas uma citação do Cardeal: "Na verdade, o motivo que leva a mulher a usar roupa de homem é o de imitar, e não somente isso, mas o de competir com o homem, que é considerado o mais forte, mais livre, mais independente. Essa motivação mostra claramente que a roupa masculina é a ajuda visível para trazer uma atitude mental de ser 'igual ao homem'". [1]

Se você perguntar a uma feminista sobre o uso de calças, ainda hoje provavelmente irá ouvir algo a favor, e somente a ideia de banir as calças 'femininas' do guarda-roupas elas irão achar pavoroso! Pois é, mas não é mera coincidência não. As feministas tiveram grande influência nesse costume no final do século XIX. Historicamente, as mulheres sempre usaram saias e vestidos como vestuário, enquanto que, os homens tinham e têm usado calças. No final do século XIX as mulheres começaram a usar calças e blusas para o trabalho industrial. Durante a segunda guerra mundial, as mulheres usavam as calças de seus maridos enquanto concorreram a seus empregos, e na década de 1970, as calças da moda foram adaptadas especialmente para as mulheres. Como podemos ver, as calças compridas sempre foram considerada uma peça masculina.

Ha quem diga que hoje as calças são femininas e que são adaptadas a nós mulheres, que naquela época era errado por conta do feminismo e da influência e que hoje não é mais errado e é lícito. Ora, para estas pessoas tenho uma palavra: relativismo. São pessoas que acham que a verdade muda com o tempo. Meus caros leitores, primeiro lugar: a ideologia que há por trás do uso de calças, nunca vai mudar, ela sempre vai existir. Vários padres, cardeais, bispos foram contrários ao uso de calças, quando as mulheres começaram a usar, eles foram radicalmente contra, mas infelizmente as mulheres não ouviram a voz da Igreja, e continuaram a usar estas peças. E o que resultou é o que vemos hoje nas ruas, quase que todas as mulheres usam calças, e algumas usam apenas calças, e quando usam saias são curtas e indecentes. Será mesmo que o que é considerado hoje "lícito" por algumas "católicas" somente com a argumentação de que "todo mundo usa" se tornou realmente lícito encima de uma desobediência a Igreja a cerca de uns 30 ou 40 anos atrás? Pode algo lícito servir como base uma desobediência? Quer dizer que a alguns anos atrás, as mulheres erraram em não ouvir a voz dos padres, e que na época de São Padre Pio de Pietrelcina por exemplo (que era totalmente contra o uso de qualquer tipo de calças pelas mulheres) era errado o uso de calças, e elas não deveriam ter usado?

Caro leitor, se isso realmente tivesse ocorrido, e se essa desobediência não existisse naquela época, provavelmente hoje todas ou quase todas as mulheres ainda usariam vestidos e saias. Essa é uma verdade imutável que nenhum relativista tem coragem de negar.

Também não existe apenas este fator para renegar as calças, existem outros. A mulher deve ser feminina, roupas que foram feitas "unissex" não são boas influências, pois igualam os sexos, colocando-os no mesmo nível, e isso quer você queira quer não, sempre vai ser algo péssimo para a nossa vivência. A mulher deve ser diferente do homem, tem toda a sua feminilidade, delicadeza. Não deve se vestir igual.

No caso do homem, há uma diferença no uso de calças. É lícito obviamente, e não é considerado indecente, pois a calça não delineia suas partes íntimas, enquanto na mulher é exatamente isso que ocorre: a peça encaixa-se perfeitamente na região genital, é aderente aos glúteos, quadris e coxas, partes consideradas sexys e atraentes para o homens.

Um pouco da história sobre o início do uso de calças pelas mulheres:


Olhando a história da calça para a mulher na cultura ocidental, vamos que sua origem está na cultura protestante também, que buscou inspiração numa peça turca (muçulmana). Engraçado que hoje quando uma mulher católica defende o uso de apenas saias, é acusada de protestante ou de estar promovendo a "burka". Na verdade é justamente o contrário, quem primeiro promoveu a calça foram mulheres protestante e feministas [da Inglaterra e EUA] [2]. Infelizmente pessoas sem conhecimento algum saem por ai, repetindo mantras semelhantes quando na verdade se trata de uma manobra para ridicularizar as mulheres que amam a modéstia e querem se vestir assim para maior agradar nosso Senhor.

Curiosidade:

A "ofensa" de puritanos, foi usada primeiramente pelos nazistas para denegrir católicos que eram contra a roupa de banho imoral dos alemães! Somos caluniadas, e os caluniadores mesmo sem saber, estão colaborando com o mal.

Pra finalizar, devemos ter em mente que as modas do mundo não podem ser modelos para vosso vestuário, mas sim a Virgem Maria e os Santos. Complementando: que roupa nos deixa mais parecida com a Virgem Maria nossa Mãe? As calças é que não são! Maria em suas aparições sempre aparece com vestidos, mostrando que obviamente eles são modestos. Lembro sempre de uma seguidora do blog que nos enviou um comentário sobre o seu primeiro dia na Igreja de saias, ela falou assim "Nunca entrei ali me sentindo tão parecida com Maria." Acho que é isso que sentimos todas quanto mudamos nosso guarda-roupas!

Bom já citamos alguns dos principais motivos para não usarmos as calças ditas "femininas". Temos também citações de Santos sobre modéstia como São Pe Pio e o uso de calças que estão citadas nesse outro artigo. Espero ter contribuído um pouco com vocês.


Fontes:
1. Siri, Cardeal. Notificação concernente às mulheres que vestem roupa de homem. 1960. 
2. A Mulher e as calças nos anos 40. Teus Vestidos.




Um comentário:

Bem vindo ao nosso espaço! Os comentários antes de serem postados, passam por aprovação da moderação. Por isso lembramos aos seguidores que não serão aceitos comentários maldosos, irônicos com tom de maldade, acusações infundadas e ataques diretos e indiretos a Fé Católica e à Moral da Igreja. Salve Maria Puríssima.

"Eu quero que todos vocês meus queridos filhos espirituais, combatam com o exemplo, e sem respeito humano uma santa batalha contra a moda indecente. Deus estará com vocês e irá salvá-los." São Pe. Pio de Pietrelcina

Siga-nos via blogger.com

Total de visualizações de página